domingo, setembro 13, 2009

The Red Card goes to…



A Rosie Dunne desafiou toda a gente para a Brincadeira do Cartão Vermelho. Eu como achei este desafio bastante interessante, cá vai…

As regras do jogo são: Fazer uma lista com 10 coisas às quais daríamos cartão vermelho. Pode ser uma pessoa, uma atitude, enfim, tudo o que é passível de nos desconcertar ou pôr os nervos em franja. Aceita-se uma justificação, desde que seja curta. Depois, é só passar o jogo a 5 blogueiros…

Eu passo a todos os que me seguem, sem excepção… Vamos lá! Toca a sacar o cartão vermelho desse bolso :-)

1. Sócrates. E não me parece que aqui seja preciso dar alguma justificação.

2. Justiça. Irrita-me solenemente as penas que este país dá aos violadores, pedófilos, assassinos e etc. São ridículas.

3. Ás listas de espera na saúde. Acho inconcebível pessoas doentes esperarem meses por uma operação. A doença agrava-se e, depois, pode ser tarde demais para operar. Isto se não morrerem antes.

4. Cunhas. Só porque se é filho, sobrinho, primo, cunhado, afilhado, sobrinho da tia da irmão da cunhada, de determinado fulano já tem trabalho garantido.

5. Amigos interesseiros. Aqueles que estão ao nosso lado só porque lhes cheira a sucesso ou a boas notas. Abomino.

6. Violência nos jogos de futebol. Acho aquilo a coisa mais primitiva do mundo. Quando morre algum jogador, como aconteceu com o Féher, andou tudo a apregoar o fim da violência. Dias depois já andava tudo à porrada de novo.

7. Putos mal-educados que são capazes de gritar com os pais mesmo no meio da rua. Não sou apologista de violência, mas acho que lhes faltou umas boas palmadas naquele rabiosque quando eram mais novos.

8. A traição. Nunca perdoaria. E não caio naquela de “eu sou homem… tenho desejos e necessidades…”.

9. Ao Nuno Graciano a apresentar o “Não Há Crise”. Não tem jeitinho nenhum para aquilo. E depois está sempre a dizer “Nós fizemos isto”, “Nós fizemos aquilo”, “A nossa equipa”… Mas pensam que somos todos parvos e que não sabemos que aqueles apanhados são estrangeiros ou quê?

10. À minha professora de Português do 12º ano que num ataque de histerismo nos disse que se nos visse algum dia numa sarjeta não nos ia estender a mão. É aquele género de professora que se não vai com a nossa cara estamos lixados… é negativa até ao final do ano.

4 comentários:

Rosie Dunne disse...

concordo com tudo!...

S* disse...

ahahaha

Tambem nao gramo o Nuno Graciano, não lhe acho piada nenhuma.

Mas o pior mesmo são putos mal educados. Haja pachorra!

Daniela disse...

É um desafio interessante! E acho que concordo com tudo!!

**

Aninhas disse...

Rosie Dunne...

Pensamos parecido :-p

Bjx

****

S*...

Tambénm não tenho paciência para putos assim...

Bjx

****

Daniela...

Estás à vontade para fazeres este desafio :-p

Bjx