quarta-feira, abril 21, 2010

Inaptidões...


Se a minha mãe fosse professora os alunos estavam todos tramados. Ou percebiam a matéria à primeira ou eram todos corridos à chapada, com direito a um quantos berros pelo caminho. E eu, que sou quase (quase, porque só herdei 50% do seu mau-feitio) igualzinha à minha mãe (embora ela diga que não), sofro da mesma inaptidão para dar explicações.

Eu explico as coisas uma vez com muita calma e paciência. Se a pessoa não percebe, tento explicar uma segunda. Mas à terceira perco a paciência e só me apetece perguntar: "É pá, funcionas a carvão ou à manivela, carago?" ou "Lavaste os ouvidos hoje de manhã?". É por estas coisas que sei que fiz muito bem em não ter seguido a via do ensino. Ou então neste momento, estava sentada na barra de algum tribunal por traumas causados miúdos.

Além desta falta de jeito para explicações, junta-se a minha inimizade com a matemática. Detesto números, detesto contas e tudo o que tenha a ver com elas. Sei que 1+1 é igual a 2, que 2+2 é igual a 4 e pronto. Se me pedem para conferir o troco de alguma coisa, para multiplicar 16 por 6 ou me pedem para dizer a tabuada, o meu cerébro dá tamanho nó que mais pareço uma atrasadinha mental. Eu nem imagino o que sofreu um professor de matemática meu... O senhor bem que me tentava explicar as coisas, mas era difícil... Se x = x/2 + x/4 + x/7 + 3, então qual é o valor de X? Vi-me sempre grega para decifrar estas merdas. Estas coisas deviam ser consideradas maus-tratos infantis. Ficava com cada dor de cabeça por causa destas coisas... Porra!!!

8 comentários:

Saga disse...

Eu até era bom a matemática, mas não gosto... Se calhar deitei fora uma vocação...

**

Aninhas disse...

Saga...

Se calhar :)

Bjx

Bells disse...

Eu também não tenho jeito nenhum para ensinar, muito por causa da minha falta de paciencia. Às vezes a minha colega do lado pergunta-me coisas que a prof já explicou umas milhentas vezes e eu percebi logo à primeira, mas parece que ela não. Coisinhas básicas. Grrrrrr dá uns nervos. Do tipo "O que é que tu percebes? Onde é que andaste a fazer quando o prof explicou as coisas?"

Beijinhos

Aninhas disse...

Bells...

Nem todas as pessoas têm a capacidade e a ginástica mental para perceber as coisas rápido. Eu sei disso! Mas eu é que não tenho paciência para explicar a mesma coisa uma data de vezes... É pá, não tenho. Há quem tenha, mas eu não. :P

Bjx

Olhos Dourados disse...

Eu por acaso até gosto de ensinar. Mas explicar a mesma coisa mais de 3 vezes também me irrita um bocadinho.

Jo disse...

Eu também tenho grande inimizade com a matemática, há que dizê-lo :P

*C*inderela disse...

EU odeio repetir as coisas duas vezes, também não era boa para ensinar. Eu e a matematica não nos damos bem ...

Bjokas ****

Aninhas disse...

Olhos Dourados...

Irrita não irrita? Imagino a paciência que um professor não tem que ter...

Bjx

****

Jo...

Somos mais mulheres de letras :P

Bjx

****

*C*inderela...

Acho que há pouca gente que gosta de Matemática... :P

Bjx