terça-feira, maio 11, 2010

E para terminar com o assunto "Papa"...


"Bento XVI levanta-se todos os dias um pouco antes das sete. O seu quarto, com paredes em tom de pastel, fica no canto do último andar do chamado Palácio Apostólico, ao lado do da janela de onde, todos os domingos, se dirige aos peregrinos reunidos na Praça de São Pedro. Tem uma vista espectacular sobre a praça e sobre Roma.

Às 7 horas, diz a missa numa capela situada no mesmo andar, à qual só assistem os seus dois secretários particulares, George Gaenswein, o mais importante, e Alfred Xuereb. Depois, toma um pequeno-almoço muio fulgral e, em seguida, começa a trabalhar no seu gabinete particular. Por volta da uma hora, almoça.

Almoça sozinho ou com o monsenhor Gaenswein. Não bebe vinho - só sumo de fruta - e a sua sobremesa é strüdel de maçã. Às vezes, na Primavera, como num jardim interior, instalado no quarto andar do Palácio Apostólico nos anos 1970, para Paulo VI - que sofria de artrose - poder passear sem ter que descer até aos jardins do Vaticano. O peso deste jardim é tal que os alicerces de todo o edifício tiveram que ser reforçados.

(...)

Depois do almoço, o Papa dorme todos os dias uma curta sesta. Depois desce aos jardins e ereza um terço, enquanto caminha na companhia do seu primeiro secretário. Conforme os dias, recebe os bispos de vários países, que, de quatro em quatro anos, têm de apresentar uma espécie de relatório. (...) Noutros dias, recebe algumas personalidades ou trabalha. Ocasionalmente, senta-se ao piano e toca composições de Mozart ou Chopin.

O andar do Papa ocupa 10 divisões, anexas a outras 11, nas quais se movimentam quatro freiras seculares pertencentes ao movimento religioso Comunione e Lebarazione. Carmela cuida do seu quarto e da sua roupa. Da cozinha e da alimentação ocupam-se Manuela e os dois secretários. Cristina zela pela capela particular. A maioria dos produtos que o Papa come vem das hortas e das quintas de Castelgandolfo, a 2o quilómetros de Roma: é a residência de Verão dos Papas, apesar de Bento XVI a utilizar com muita frequência, inclusive para descansar dois dias depois de uma viagem.

(...)

A certa altura do dia, passa meia hora na bicicleta estática que tem num pequeno gabinete de cuidados médicos de emergência, ao lado do seu quarto. (...) Às quartas-feiras tem a audiência na Praça de São Pedro e as terças são o seu dia de folga, durante o qual não recebe ninguém. Janta cedo e também se deita cedo. (...)" (in Revista Única)

Como podem ver, vida de Papa é bastante difícil... Oh santos dias!

Ah, já agora... sabiam que já houve um Papa que era mulher? A Papisa Joana... Ah, pois é!!!

7 comentários:

ESpeCiaLmente GaSPaS disse...

Isso é o que se manda cá para fora. Queria eu ser ma mosca!!!

E o beber vinho e comer à grande?
E as torneiras em ouro?
E as revistas playboy?
E as visitas à casa pia e outras instituições infantis?

Ups, fui má outra vez :P

Suspiro disse...

Era capaz de me cansar um bocadito com uma vida assim! A descer as escadas vá! ;)

Denise Luz disse...

Por acaso sabia e já li um romance histórico sobre ela! Muito bom por acaso!

**

Rafeiro Perfumado disse...

Conseguiu passar o teste da cadeira ou esse teste foi instituído depois?

Aninhas disse...

ESpeCiaLmente GaSPaS...

Pois foste... :P Mázinha!!!

Bjx

****

Suspiro...

Eras tu e eu. Que canseira... :P

Bjx

****

Denise...

Eu li um artigo que veio a Revista Única. :) Muito interessante por acaso.

Bjx

****

Rafeiro Perfumado...

Aquele teste em que apalpam os ditos cujos para ver se é homem mesmo? Pelo que li foi instituido depois... :)

Bjx

Olhos Dourados disse...

Quando for grande quero ser Papa!

Aninhas disse...

Olhos Dourados...

Eu também... :P

Bjx