quarta-feira, setembro 01, 2010

Uma bomba e resolvia-se logo o assunto...


Estou com os nervos! Estou stressada! Estou com a telha, com os tijolos, com o cimento e com todos os restantes materiais de construção. Ai que nervos pá! Nervos, nervos, nervos, nervos...

Liguei para a Escola [again]. Atendeu-me uma senhora da secretaria [again]. Pedi para falar com o departamento de contabilidade [again], e adiantei que o assunto era sobre o pagamento do serviço que tinha efectuado para a escola durante o festival [again]. A senhora disse que ia passar à Dra. [um dos responsáveis pelo pagamento e que foi de férias sem ter a decência de nos avisar].

A Dra. mandou dizer que os pagamentos do festival não estão a ser efectuados agora, só em finais de Setembro, inícios de Outubro [daqui a pouco é em Dezembro]. A Dra. nem se dignou a atender a minha chamada. Nem se deu ao trabalho de falar comigo. Mas tal não me devia espantar não é? Também não se dignou a ir à residência para nos conhecer. [A distância era muito e não devia querer gastar a borracha dos pneus ou a sola dos sapatos a subir as escadas que vão do parque de estacionamento da residência até à residência em si.] Também não se deu ao trabalho de pegar no telefone e ligar para a residência para nos explicar quando o pagamento do serviço ia ser feito ou como o mesmo ia ser efectuado, antes de ir de férias. [Se calhar não queria estragar a manicure ao carregar nas teclas. Era o drama, a tragédia, o horror se a senhora lascasse uma unha. Nunca me perdoria por tal incidente. Se calhar para me recompôr por ter feito tanto mal, ainda tinha que ir de joelhos até Fátima.] A Dra. veio de férias e nem sequer teve a decência de nos ligar para falar connosco. Tive que ser eu a ligar hoje. [E daqui a uma semana e tal disseram-me para ligar novamente.]

Se há coisas que me enervam é a incompetência, a cobardia e a falta de respeito. E se cada uma em separado já me faz ferver, imaginem as 3 juntas. Que c@r@lho! Mas custava muito dizerem-nos logo no início como as coisas iam ser? Ou custava muito ligar para a residência e deixar recado para nós irmos à escola para nos explicar como as coisas se iriam processar depois? Parece que custava.

Eu gostava de saber se a Dra. também só recebe o salário dela de dois em dois meses. [Já que eu só vou receber o meu quase dois meses depois de ter terminado o trabalho.]

Neste momento o que me mete mais raiva já não é o pagamento ser efectuado só em finais de Setembro. O que me está mesmo a stressar é a Dra. não ter tido a coragem de falar comigo e me explicar as coisas tim-tim por tim-tim, e em vez disso ter mandado o recado por terceiros.

5 comentários:

catherine disse...

Pffff... Falta de respeito. Essa gente não só irrita, como mete nojo!!

nuvem.de.algodão doce disse...

Cada vez adiam mais...cá para mim estão a tentar dar-te a volta e ver se não te pagam. Injustiças de m****.
Selo para ti no meu blogue.
*

Jedi Master Atomic disse...

É para veres que titulos nao compram classe ;)

Artemisa disse...

Catherine...

É a ti e a mim.

Bjx

****

Nuvem.de.algodão.doce...

Pagaram pagam. Parece que é nomal só pagarem naquela altura. Mas podiam ter avisado logo no inicio.

Bjx

****

Jedi Master Atomic....

Pois não. De todo mesmo.

Bjx

Olhos Dourados disse...

Enfim...